Fundect e Secretaria de Educação vão avaliar cursos da UEMS


Secretária de Estado de Educação, Maria Cecília e Marcelo Turine, diretor-presidente da Fundect
O diretor-presidente da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado (Fundect), Marcelo Turine, e a secretária de Estado de Educação, Maria Cecília Amendola da Motta, assinaram o termo de cooperação para execução do Programa de Avaliação Institucional Externa dos cursos de educação superior, oferecidos pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS).

Este ano, serão avaliados os cursos de Administração da unidade de Maracaju, Administração Pública modalidade a Distância, Computação da unidade de Nova Andradina, Direito das unidades de Dourados e Paranaíba, Enfermagem e Física da unidade de Dourados, História da unidade de Amambai, Letras das unidades de Campo Grande e Jardim, Pedagogia das unidades de Campo Grande e Paranaíba e Zootecnia da unidade de Aquidauana.

As avaliações são periódicas e acontecem para a renovação do reconhecimento dos cursos, que pode ser de até cinco anos. Se o curso não estiver regularizado, a instituição não poderá emitir diploma ao aluno.

A avaliação externa é realizada por uma comissão composta por dois professores especialistas na área do curso, que consideram a organização didático-pedagógica, o corpo docente e a infraestrutura, aos quais são atribuídos nota de um a cinco, sendo três o conceito mínimo para reconhecimento do curso. O trabalho é coordenado pela Fundect.

Os cursos da UEMS são reconhecidos pelo Conselho Estadual de Educação, ao contrário das outras instituições de ensino do Estado, que são avaliadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).
Fonte: Fundect
Share: